Omoletes sem ovos?

Compartilhe nas Redes Sociais

Compartilhe nas Redes Sociais

Chegar à velhice na nossa geração, torna-se a maior aventura de todos os tempos. As metas e objetivos que traçamos para a nossa vida, o desgaste da rotina do dia-a-dia, as preocupações em vivermos neste mundo onde tudo passa depressa e sem tempo para se olhar para trás, diria mesmo que estamos a atravessar uma das piores fases da nossa existência. Não descobrimos o fogo, nem o ferro, nem a luz, mas descobrimos milhões de coisas com uma dimensão tão grande que nos esquecemos do essencial da vida: Viver! Há duas semanas atrás recebi a notícia de um lar de

AG e os Meias Limonada - Música POP Portuguesa

Banda de 10 elementos ou Dueto de voz e Piano para locais mais intimistas

O que vem a ser isto?

A malta Portista, dos quais me incluo, não estamos habituados a desgraças destas. Temos conhecimento de que elas existiam, mas sempre nos outros clubes e não no nosso! Estamos sem saber disto! Talvez seja a hora de pedirmos ajuda aos nossos rivais com maior experiência do que nós sobre esta temática. Eles sim, superaram a crise, o COVID a falta de dinheiro, os jogadores a mais e a menos e lá vão dando cartas a nível nacional e Internacional! Deve haver algum milagre que nós, portistas, não estamos a conseguir acompanhar.

Só me apetece chorar!

Oh meus queridos amigos portistas, vamos lá limpar estas gotas de choro de crocodilo, ok? Queremos mesmo é que os nossos atletas saibam respeitar o clube e que o engradeçam como todos os outros que por aí passaram. Com árbitros, com fruta, com putas e vinho verde…desculpem, vinho do Porto, lá fomos sendo campeões sem saber ler nem escrever. Agora queremos ser campeões e não conseguimos! Já não há putas, não há vinho, não há fruta, mas os outros continuam a ganhar, sem nada disto. Agora sim a verdade desportiva está a imperar!

Acho que chegou o momento da verdade. As dificuldades são muitas e já não se conseguem esconder com o presidente (esse já está debilitado em termos de saúde e idade) e com as suas intervenções mais ou menos atrevidas. Também deixámos de ter uma montra de jogadores (agora ativos) que satisfaçam e sejam superiores aos seus adversários (não é superior…é muito superior!). Vendemos os nossos jogadores jovens (compreendo e aceito esta gestão), mas teremos que escolher barato e bom ou caro e muito bom! Comprar um central ao SCBraga por 20 milhões só poderia ser muito bom, ou excecional, mas vai-se ver e…quando é que o vendemos?

Poderei estar enganado, que será o mais certo, mas neste momento quando as coisas não estão bem, nada consegue ficar impune e camuflada. Há que dar um murro na mesa o mais rápido possível!

Está na hora!

Apesar de ser um apreciador do trabalho e da maneira como o faz de Sérgio Conceição, também tenho que dar a mão à palmatória e dizer-lhe que neste momento não se está a portar como bom Portista. Não quer dizer que não o tenha feito em particular, mas terá que o fazer em público por forma a que o universo FCPorto reveja nele um homem de mão cheia! Sérgio Conceição terá que pedir a demissão do seu cargo ou colocá-lo à consideração de Pinto da Costa e da sua direção.

Não desejo que saias, mas esse teu pedido fará abrir a pestana a toda a estrutura. Não só aos jogadores, como também à massa associativa do FCPorto e colocar toda a gente atenta às próximas movimentações.

Só levanto esta questão? Quem terá a pinta para te substituir? Falamos falamos, mas quando chega a hora da verdade…. Falta muito nível!

No FCPorto não pode ser permitida

Por mais importante que seja um atleta, um treinador ou um dirigente, num  clube como o FC PORTO deveriam existir regras bem definidas em relação a determinados assuntos:

  • Perder pontos (e não apenas jogos) deveriam ser responsabilizados financeiramente;
  • Perder um jogo com um “mija na escada” deveria ser alvo de pedido de desculpas público pelo treinador e capitão de equipa, assim como um pedido de demissão  imediato do treinador!
  • Mais do que uma vez as duas situações acima descritas… já nem dá que falar! Venha outro!

 

 

Para bom entendedor...

Há que ser desportista! Pois há! “Pimenta no cú dos outros é refresco!”

 

Mas de onde vem tudo isto?

Tudo isto vem dos investimentos exorbitados realizados em anos anteriores, para se conseguir chegar ao topo de uma competição e poder dizer-se: SOMOS CAMPEÕES! Esqueçam lá essas coisas de antigos e para antigos. Não se pode ser campeão a todo o custo e depois ir passear classe na europa e sermos pequeninos. O nível dos atletas está baixo e a diferença entre as equipas grandes e pequenas está muito distante! Tudo isto tem um visado! O Dinheiro!

Enquanto o dinheiro se mantiver nesta competição  a que “desenvergonhadamente” a apelidam de Desporto, andam uns espertos a enganarem meio mundo. A pergunta que vos faço, sendo eu Portista, o que é que ganhei em ter sido campeão o ano passado?

Fomos reforçar a nossa equipa com ativos de equipas menos capazes e no nosso mercado interno e queremos fazer com estes valorizem 3 ou 4 vezes mais do que aquilo que realmente valem?

São neste pequenos pormenores que teremos de incidir maior atenção. Chatices porque é bem assinalado, mal assinalado ou isto ou aquilo…deixemo-nos de tretas! O que ganham com esta treta? Satisfação moral, social e psicológica? Oh meu Deus…

Fomos campeões Europeus. O que ganhámos com isso? Um país em festa, diversão, Alegria, divertimento, os melhores de sempre, PUMMMMMM… Depois tudo acabou e agora poderemos dizer…fomos campeões da europa!

Este tema, que já vai longo, serve apenas para constatar que o FCPORTO nem se deveria chatear com este tipo de coisas. Mais frios e menos sensíveis aos sabores do futebol. Não dá com este…siga, venha outro” e a vida acontece!

Quando alguém te der um limão…

Faz uma limonada!

Compartilhe nas Redes Sociais

Comentários