Fingir

Compartilhe nas Redes Sociais

Compartilhe nas Redes Sociais

Chegar à velhice na nossa geração, torna-se a maior aventura de todos os tempos. As metas e objetivos que traçamos para a nossa vida, o desgaste da rotina do dia-a-dia, as preocupações em vivermos neste mundo onde tudo passa depressa e sem tempo para se olhar para trás, diria mesmo que estamos a atravessar uma das piores fases da nossa existência. Não descobrimos o fogo, nem o ferro, nem a luz, mas descobrimos milhões de coisas com uma dimensão tão grande que nos esquecemos do essencial da vida: Viver! Há duas semanas atrás recebi a notícia de um lar de

AG e os Meias Limonada - Música POP Portuguesa

Banda de 10 elementos ou Dueto de voz e Piano para locais mais intimistas

Só nós dois sabemos de cor

Sem favor o que é melhor

Sem ter nada a opor

Não faz mal em ser assim

 

Esquece

Isto já não aparece

Nos meus livros cheios de cor

Finge

Isto já não acontece

Nos teus sonhos cheios de amor

 

Só nós dois sabemos de cor

Sem favor o que é melhor

Sem ter nada a opor

Não faz mal em ser assim

O comboio que perdi

Sem ter espaço para mim.

 

Não finjas que o tempo parou aqui

As palavras que fazem doer

Foram ditas a pensar

Eu só queria entender

Sem poder banalizar

O barco que eu perdi

Não tinha espaço para mim.

 

Não finjas que o tempo parou aqui

A vida que eu passei

Já não volta mais atrás

Por tanto que abdiquei

Quero ter a minha paz

 

Esquece

Isto já não aparece

Nos meus livros cheios de cor

Finge

Isto já não acontece

Nos teus sonhos cheios de amor

 

A vida que eu passei

Já não volta mais atrás

Por tanto que abdiquei

Quero ter a minha paz

Os momentos que perdi

Tinham mesmo que ser assim?

Não finjas que o tempo parou aqui

Quando alguém te der um limão…

Faz uma limonada!

Compartilhe nas Redes Sociais

Comentários