Espetáculo exemplar: Nantes vs PSG

Compartilhe nas Redes Sociais

Compartilhe nas Redes Sociais

Chegar à velhice na nossa geração, torna-se a maior aventura de todos os tempos. As metas e objetivos que traçamos para a nossa vida, o desgaste da rotina do dia-a-dia, as preocupações em vivermos neste mundo onde tudo passa depressa e sem tempo para se olhar para trás, diria mesmo que estamos a atravessar uma das piores fases da nossa existência. Não descobrimos o fogo, nem o ferro, nem a luz, mas descobrimos milhões de coisas com uma dimensão tão grande que nos esquecemos do essencial da vida: Viver! Há duas semanas atrás recebi a notícia de um lar de

AG e os Meias Limonada - Música POP Portuguesa

Banda de 10 elementos ou Dueto de voz e Piano para locais mais intimistas

14 de dezembro, no palácio dos desportos de Beaulieu, jornada 14, disputou-se um grande jogo de Andebol entre HBC Nantes e PSG Handball. O resultado foi favorável à equipa forasteira: 29-30

amante que sou desta modalidade, não deixei passar em claro este grande jogo de Andebol. Bem disputado, com muita potência e cheio de dinâmica. 

Atletas de alto nível, cujas competências tiveram que ser deixadas em campo para que o resultado tivesse a sua incerteza até ao fim do jogo. Não destaco nenhum jogador em especial, pois a exibição em cada posição específica foi altamente competente e grande eficácia.

No entanto, para quem esteve atento ao jogo existem muitas coisas que têm que ser destacadas para bem da modalidade:

  1. Jogo arbitrado por uma dupla feminina;
  2. Espetáculo desportivo muito bem preparado na sua componente “Espetáculo”
  3. Público conhecedor e respeitador da modalidade e conscientes de que aquilo a que estavam a assistir era um verdadeiro espetáculo, mas de âmbito desportivo;
  4. 14 mil pessoas assistiram ao vivo a este jogo
  5. Jogo de iluminação brilhante, variando a sua dinâmica entre o próprio jogo e o as pausas do mesmo;
  6. Disciplina e respeito entre todos os intervenientes;
  7. Comunicação social dentro do espetáculo, não esquecendo a verdadeira dinâmica que tem que ser dada para quem está em casa a assistir;
  8. Entrevistas aos atletas durante o intervalo;
  9. Participação desportiva neste palco de dimensão mundial de um atleta Português:  Alexandre Cavalcanti.

 

Grande espetáculo de Andebol que serve de exemplo para aquilo que se pretende de futuro para a minha modalidade de eleição. Estamos longe ainda de atingir este patamar, mas estou esperançado de que um dia Portugal irá catapultar para espetáculos de excelência em pavilhão.

o Andebol é fantástico!

Quando alguém te der um limão…

Faz uma limonada!

Compartilhe nas Redes Sociais

Comentários