Benfica dá lição de Andebol na final da EHF

Compartilhe nas Redes Sociais

Compartilhe nas Redes Sociais

Post mais recente

Chegar à velhice na nossa geração, torna-se a maior aventura de todos os tempos. As metas e objetivos que traçamos para a nossa vida, o desgaste da rotina do dia-a-dia, as preocupações em vivermos neste mundo onde tudo passa depressa e sem tempo para se olhar para trás, diria mesmo que estamos a atravessar uma das piores fases da nossa existência. Não descobrimos o fogo, nem o ferro, nem a luz, mas descobrimos milhões de coisas com uma dimensão tão grande que nos esquecemos do essencial da vida: Viver! Há duas semanas atrás recebi a notícia de um lar de

AG e os Meias Limonada - Música POP Portuguesa

Banda de 10 elementos ou Dueto de voz e Piano para locais mais intimistas

Muitos Parabéns ao andebol do SLB

Há muito que não via uma final tão emotiva na minha modalidade. O SLB, frente ao Magdburg mostrou que com querer é possível ganhar e chegar longe!

Para os mais entendidos, a vitória do Benfica seria, no início da partida, uma miragem. Estamos a falar de duas equipas com níveis de competição muito distintas. O Benfica uma das grandes equipas do campeonato Português, enquanto que o Magdeburg a melhor equipa do campeonato alemão. Duas forças estavam em campo, com superioridade teórica para a equipa alemã.

No entanto, com muito esforço, competência, disciplina, organização e empenhamento coletivo, a equipa portuguesa superou todas as expectativas. Após um empate no final do tempo regulamentar, seguiu-se o prolongamento e aqui as coisas ficaram melhores para os encarnados.

Observei o jogo com muita atenção e há certamente coisas que na minha opinião não podem deixar de serem destacadas:

  1. Os atletas do Benfica ocupam melhor o espaço defensivo central, muito devido ao grande poder físico dos seus atletas. Finalmente temos “muros defensivos” em Portugal;
  2. Os alemães são melhores ofensivamente e individualmente, tendo sido um dia mau na finalização;
  3. O Magdeburg procura constantemente o trabalho ofensivo nas finalizações individuais, desgastando em demasia a componente física dos atletas;
  4. O guarda-redes do SLB foi o MVP do encontro de forma merecida. Com um guarda redes desta dimensão é bem mais fácil atingir patamares de excelência;
  5. Belone, apesar da baixa estatura, prova que o andebol não é só força e corpo, mas sim e também a  inteligência, porque o andebol é “apenas” um jogo de superioridades numéricas;
  6. O treinador do Benfica, Chema Rodriguez afirmou no final do jogo ter sido um milagre, mas o que é certo é que este senhor foi o mentor do mesmo! No último prolongamento não só joga com sete atletas no ataque, como também surpreende o adversário com a colocação de três pivots. Doidice ou não, este senhor joga num modelo de 2:5 raramente ou nunca visto, sem qualquer hipóteses de resposta à equipa adversária. Quando assim é temos que obrigatoriamente dar os parabéns;
  7. A arbitragem não foi fácil. Duas equipas no choque e constantemente no contacto, não é fácil de decidir. São muitos olhos e todos vêm apenas o que querem ver. Sansão de cartão vermelho bem aplicada, no entanto, decorridos alguns minutos não houve coragem de mostragem de mais um cartão vermelho, muito mais evidente que o primeiro. Parece-me também, resultante daqui a polémica do treinador do Magdeburg, que o saque de bola do defensor benfiquista na tentativa de jogada aérea, foi efetuada precedida de falta (violação da área restritiva).

O SLB, independentemente daquilo que escrevi foi um digno e merecido vencedor da taça EHF. Sinais da melhoria e do crescimento do nível do Andebol em Portugal. Já não vêm ao nosso País apanhar apenas um banho de sol!

Estou feliz por toda a seção do Andebol e pelo Clube Benfica. O Andebol está de parabéns e só com investimento destes Clubes a nossa modalidade pode crescer.

Uma palavra à organização de parabéns, pois mais uma vez mostrámos que também sabemos fazer com mestria e profissionalismo.

Deixo apenas uma crítica, mais uma vez, à linguagem do Andebol na comunicação social. O jogo foi transmitido pela Benfica TV e fruto do calor do jogo assistiu-se a alguns comentários que não são condizentes com a modalidade de todos nós. Todos os intervenientes no jogo, sejam atletas, árbitros ou dirigentes, querem sair de cabeça erguida e muitas das vezes as coisas não correm bem. Este é um desporto que se pretende seja espetacular e diferente. Hoje foi quase sempre!

O público, em maior número do Benfica, empurrou o Clube para um grande feito no Andebol Português. Parabéns pela forma como apoiaram o Benfica e respeitaram as equipas adversárias.

Parabéns Andebol do Sport Lisboa e Benfica.

Fotos de Jornal Record. O resumo de todo o jogo aqui.

Quando alguém te der um limão…

Faz uma limonada!

Compartilhe nas Redes Sociais

Comentários